Sitio do Fado na Casa da Severa

Esta operação insere-se no eixo instrumental de reforço e valorização das práticas culturais e artísticas locais definidas no Programa de Acção (PA) Mouraria: “as cidades dentro da cidade”. O fado é uma marca identitária incontornável no bairro da Mouraria.

• Com esta operação, promove-se a adaptação a Sítio do Fado do edifício sito no Largo da Severa, que integra a Carta Municipal de Património, e onde a tradição diz ter vivido a famosa fadista Severa. Com esta readaptação funcional, pretende-se contribuir para a valorização e divulgação do fado na Mouraria e, simultaneamente, prestar um tributo a uma figura associada à história desta expressão artística, tão emblemática da cidade e deste bairro em particular. Pelas implicações que terá no turismo e na dinamização económica do local, a operação terá consequências positivas na revitalização do tecido económico e social do bairro.

• A refuncionalização deste imóvel em estrutura cultural e de lazer, é também uma oportunidade de requalificar o imóvel inventariado. Apesar de muito adulterado no interior, o exterior preserva, ainda, as características estilísticas da arquitectura vernacular dos séculos XVI/XVII.

• O Sítio do Fado vai funcionar em articulação com o Museu do Fado, localizado no vizinho bairro de Alfama. Pretende-se que seja um espaço de encontro e tertúlia para os amantes do fado e para todos em geral. Aqui se ouvirá fado e poderão ser comprados artigos com ele relacionados – discos e publicações. Terá igualmente um papel de divulgação turística e de outras actividades e publicações que se relacionem com o bairro da Mouraria, das suas vivências e tradições.

• Em complementaridade, a instalação de uma pequena esplanada no espaço público permitirá, também, o alargamento das actividades para o exterior. A operação, pela sua natureza, vai contribuir para a dinamização cultural e económica local, promover o reforço da atractividade turística desta área do bairro e dignificar a figura simbólica da Severa e do Fado. Constituir-se-á como um espaço âncora de inclusão social dos moradores e “naturais” do bairro da Mouraria.

• Também neste projecto houve a preocupação, desde o início, de um bom desempenho energético - ambiental, mas neste caso, dadas as suas características construtivas, foi obtida a Categoria C.

Topo da página

Parceria local
logo CMDlogo turismologo renovar Mourarialogo EPULlogo IDTJF1JF Sta JustaJF2JF3
Programa de accao co-financiado pelo FEDER
PorLisboalogo QRENlogo CEE
femdom-scat.net
femdom-mania.net
hot-facesitting.com